quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Ele já sabe se balançar!



O Rafael aprendeu a se balançar sozinho. E, nesse dia, olhou para mim satisfeito por sua conquista. Não disse nada, sorri. Ele também. É mais uma conquista que se soma a tantas outras já alcançadas: sustentar o pescoço, sentar-se, balbuciar as primeiras palavras, engatinhar, andar, falar, etc. Eu sabia que todas essas conquistas aconteceriam, naturalmente. Ele, não. Não sabe do que é capaz e do que será ainda.

Não é uma honra poder contemplar esse instante mágico da transição entre a incerteza do não saber e o momento seguinte em que  se consegue?! Sei que isso fortalece a sua auto-estima. Sei que essa confiança em si mesmo o encoraja para se arriscar em novas conquistas.

Ele se balançava e eu via o balanço no tempo das coisas que a vida leva e traz. Enquanto suas pernas se movem para frente e para trás num movimento coordenado que o impulsionam e o mantém se balançando, sinto uma nostalgia do futuro. Ele vai pra frente. O tempo vai junto. Ele vai pra trás. O tempo  foi. Era como se contemplasse um tic-tac de um relógio da vida que corre depressa de mais. 

"Ele está crescendo..." Meus olhos marejam. Se pudesse, guardava no bolso essas alegrias... Mas guardo no coração seu sorriso contente e sua voz aguda dizendo: "Mamãe, você viu isso?", enquanto gargalha de satisfação.

Eu também balanço, emocionada, e meu coração transborda, vibrando com uma alegria que é quase dor.  "Meu menino esta crescendo..." penso com o coração transbordando.

Bjos,

VdM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...